Sistema para Rastreamento Gtrace - Dusspy 16 anos - Telemetria - Logística - Tecnologia

Tecnologias

A plataforma de geolocalização Gtrace é a solução profissional e inteligente em sistema de Internet das Coisas (IoT) para rastreamento de veículos (terrestres, marítimos e aéreos), telemetria, logística, gestão de equipes e frotas, localização de pessoas, cargas, objetos e pets.

O que é GPS?

O sistema GPS (Global Positioning System) oficialmente conhecido como NAVSTAR (Navigation System with Time and Ranging) foi concebido em 1973 pelo Ministério de Defesa dos EUA, para fins exclusivamente militares, a fim de prover o posicionamento tridimensional, a velocidade e informações precisas de tempo, independente de condições meteorológicas.
O GPS é de vital importância para a maioria dos sistemas de posicionamento global incluindo os sistemas de posicionamento automático do veículo (AVL).
O sistema GPS é composto de 3 segmentos: espacial, de controle e de usuário.
O segmento do espacial consiste na constelação de satélites GPS e é composto por 48 satélites, distribuídos em seis planos orbitais, com uma altura orbital média de 20200 Km.
O segmento de controle é composto pelas estações terrestres, que são responsáveis pelo funcionamento dos satélites, cinco estações pertencentes a Força Aérea dos EUA e sete estações pertencentes ao NIMA (National Imagery Mapping Agency) localizadas em torno do mundo.
O segmento de usuário compreende todas as classes de receptores GPS e seus componentes, que em geral são classificados em receptores geodésicos e de navegação.

O sistema GPS é capaz de lhe mostrar a qualquer momento, em qualquer condição climática e em qualquer lugar qual sua posição exata na Terra.
Os satélites GPS são continuamente monitorados pelas estações terrestres.
Os satélites GPS transmitem os sinais que podem ser detectados por qualquer receptor GPS. Usando um receptor GPS, você pode determinar sua posição com precisão em torno de 7 (ou até menos) a 10 metros.

O GPS tornou-se extremamente importante para as Forças Armadas do EUA e é usado em quase todas as operações militares e sistemas de armas. Também é usado em satélites para obtenção de dados altamente precisos de órbita e no controle e orientação de naves espaciais.

AVL e GPS - Qual a diferença?

AVL significa Localização (Posicionamento) Automática do Veículo.
Qualquer sistema que fizer uso de tecnologia para localização de veículo (sem intervenção humana) pode ser classificado como AVL.
GPS é uma maneira específica de obtenção de posicionamento e é parte integrante de grandes sistemas de gerenciamento de frotas e rastreamento de veículos.

O que é o GPRS?

A tecnologia GPRS (General Packet Radio Service), conhecida por geração 2,5 das comunicações móveis, é a solução mais popular entre as operadoras de telefonia celular para acesso a Internet sem fio. É concebido no sistema de telefonia celular GSM (Global System for Mobile Communications).
Com GPRS, uma vez estabelecida a conexão, esta ficará permanentemente ativa (online).
O acesso torna-se mais rápido, a transmissão dos dados são processadas a velocidade que varia entre 40 a 144 KBit/s.
A tarifação é efetuada com base na quantidade de dados transmitidos e não por tempo de conexão como ocorre na chamada por voz. O plano é que as redes GPRS acabem conduzindo voz nos pacotes.

O que é Inmarsat?

Estabelecido em 1979 para servir à indústria marítima desenvolvendo comunicações via satelite e para atender as aplicações de segurança, Inmarsat opera atualmente um sistema global de satélites que é usado por fornecedores de serviços independentes para oferecer comunicações de voz e multimídia para dispositivos em movimento e em localizações remotas. O sistema foi expandido para o uso de comunicação terrestre e aeronáutica.
O sistema Inmarsat possui 4 satélites geoestacionários com uma altura orbital média de 35.786 km. Cada satélite cobre até 1/3 da superfície terrestre e são posicionados na linha do equador estrategicamente acima de uma das quatro regiões do oceano.
Na terra, estão distribuídas em torno do mundo as antenas gigantes de comunicação responsáveis pela recepção dos sinais de retorno dos satélites e distribuição para as redes de telecomunicações.

O que é ORBCOMM?

A constelação ORBCOMM opera com 30 satélites de baixa órbita (Low Earth Orbit - LEO) controlados por 6 centros de controles, localizados no Brasil (Itaboraí/RJ), Itália, Japão, Korea, Malásia e Estados Unidos.
A principal função da ORBCOMM é completar o link entre os equipamentos de comunicação e os switches de rede no Centro de Controle e um Gateway licenciado.
Os satélites são "roteadores de pacotes orbitais" adaptados para capturar pequenos pacotes de dados de sensores instalados em veículos, containers, embarcações ou locais remotos ou fixos e transmitir a eles através de uma estação terrestre (GES) para um Gateway de um Centro de Controle.
As mensagens que são geradas por uma variedade de aplicações são coletadas e transmitidas por um equipamento comunicador apropriado para um satélite da constelação ORBCOMM.
Estas mensagens são transmitidas do satélite para uma estação terrestre (GES - Gateway Earth Station), e então, enviadas através de um Centro de Controle para seu destino, através da Internet e outras redes terrestres, para um computador.
As mensagens e dados enviados para um comunicador remoto podem ser iniciadas de qualquer computador, usando sistemas de e-mail comum, incluindo Internet, X.25 e X400. Os Centros de Controle transmitem a informação usando a rede de satélites de telecomunicações global ORBCOMM.